domingo, 10 de janeiro de 2010

Escrever é vital pra mim...

Não queria ser escritora... Acho que nunca tive esse sonho, apesar de amar escrever, ser algo que me dá alegria e exorciza meus demônios. Até um livro já escrevi, mas não me sinto escritora, sempre duvido da minha capacidade nesse setor... Além de achar que é difícil escrever porque você tem que escrever e ser escritora me cheira a obrigação...

Eu gostaria de brincar de ser atriz, assim tipo fazer um curso de teatro, pra explorar esse meu lado que acho que levo um pequeno jeitinho...

Adoraria ter uma bela voz pra cantar, mas nesse setor só na outra encarnação... ahahah... sem chances...

Por que esse assunto? É que criei um segundo blog pra poder escrever mais... rs... Acho sinceramente que o momento que estou escrevendo um post é hora que sinto que estou dizendo de verdade o que sinto e penso... Isso me faz muito bem!

Ler bons escritores de blog é algo que me dá um enorme prazer também! A net é um espaço mais conquistado pelos jovens... ou seja... Blogs de pessoas mais velhas, assim, acima de 50 anos, são poucos...

Queria muito saber porque os mais velhos ainda temem tanto o computador! No meu trabalho o pessoal acima de 40 anos continua indo pagar conta no caixa do banco, porque não confiam nos sites dos bancos... Por um lado eu consigo entender que essas pessoas viveram grande parte da vida sem contato com internet, mas por outro lado as novidades são pra serem absorvidas e não rejeitadas... Aí realmente se vira uma pessoa velha!

Nessa linha eu sinto falta mesmo de saber o que o pessoal bem mais velho pensa... Tantas experiências poderiam ser passadas nos blogs... Enfim... Fiquei aqui divagando... eheheh

Mas tudo foi pra dizer que amo escrever! Que é vital pra minha sanidade!

8 comentários:

Ju disse...

Escrever é uma coisa incrível mesmo. É interessante porque a escrita pode ser usada pra vários fins. Inventar, relatar, criticar...

No meu caso, uso o blog pra dizer coisas que geralmente não se pode dizer às pessoas, se não quiser criar uma grande confusão. rsrs.

É uma ótima maneira de por para fora as ideias. Conhecer novas pessoas que compartilham o mesmo pensamento...

Por isso acho mais interessante do que escrever um livro ou um diário. No diário você desabafa, mas ninguém lê. Fica tudo pra você mesmo. Então, por que não pode ficar na sua própria cabeça?
Em relação ao livro, por mais que alguns leiam... não há interação. Não existe feedback.

Então o blog é perfeito porque substitui, até certo ponto, as relações interpessoais. Na verdade, complementa suas necessidades, na medida em que você interage com pessoas que se identificam com vocÊ e seus pensamentos.

Enfim...

Já em relação a essa coisa de tecnologia... adoro essas modernidades. Gosto das coisas que facilitam minha vida.

Mas também não confio nas que trazem qualquer risco, mesmo que seja mínimo. Essas coisas de site de banco... até mesmo uso de cartão em loja... sempre tenho muito cuidado com isso. Porque, do mesmo jeito que há essa tecnologia a nosso favor, existe a má, que tem a intenção de prejudicar, como os hackers.

Eu também não confio em pagar contas pela internet. Faço da forma antiga, no caixa, ou no caixa eletrônico. Só usaria internet se fosse no computador de uma empresa, porque se sabe que eles investem em segurança... antivirus profissional, programas de segurança da informação, criptografia... agora, em pc pessoal, sem nada disso e só com a versão free do AVG?! no way! rsrs

"meda" total! rsrs

bjoss

Mulher Vã disse...

Nossa, a moça aí de cima acabou fazendo um post e tanto! Muito bom.

Desde que era apenas um 'projeto de gente', eu já tinha uma enorme frustração, era louca pra saber ler, serio, eu via oscadernos das minhas irmãs e chorava porque não entendia nada. Então por isso, enjoei tanto que além do prezinho, minha irmã me ensinava em casa, resultado que aos seis anos já lia fluentemente qualquer coisa, minha segunda casa foi a biblioteca. Minha segunda ocupação foi escrever, mas assim como voce, nunca projetei ser escritora não, eu pensava mesmo em ser dublê de desenho animado! Doidera né, mas é verdade, enfim. Além do que, eu tambem só escrevo relaxada, pra distrair,tirar o que ta aqui dentro, ou apenas me divertir, nunca pra conseguir dinheiro com isso.
Fico encantada quando conheço pela net alguém mais velho porque normalmente aprendo muita coisa, realmente são mesmo poucos que se aventuram pelo virtual.
Eu faço parte da geração copy cola então hoje em dia dificilmente faço alguma coisa sem ajuda da net, compras só aqui, até pizza!

Voltando ao assunto escrever, já disse que adoro,estou sempre escrevendo sobre algo o tempo todo mas muitas vezes acabo nem trazendo pro blog, não sei porque sou assim.

Outras vezes, o que quero mesmo é ter leituras agradaveis, como acontece toda vez que venho aqui.

Um beijo.

maximumforma disse...

Dama minha linda e marivilhosa amiga
Graças a DEUS que existe escritora espetaculares como você que dá gosto de ler, se resolver publicar seu livro me avisa que vou ser o primeiro a comprar
Um grande abraço
Ass:Rodrigo

lpzinho disse...

Quanto mais te leio mais me encanto e fico fascinado com vc!!!
Acho que teus posts todos mereciam virar um livro tb... não importando se algumas palavras, letras ou pensamentos fossem chocar ou não a opinião pública.
Admiro teu modo de ser, pensar e agir... vc decidamente é uma pessoa fantástica e que um dia já lá do outro lado poderá dizer com orgulho e alegria que VIVEU... que não passou pelo planeta a toa, nem teve uma vida vazia... Bacana demais isso! Te admiro e sou apaixonado por vc mto além da mulher, da moça alta e elegante, linda e querida... vc é realmente demais e isso se percebe no teu escrever.
Quanto aos dois blogs... sei lá, vc posta com uma frequência diferente da minha... dividiu isso em dois espaços distintos... mas acho que se vc tivesse que escrever TODOS os dias, teria assunto e conteúdo pra mta coisa boa, por mto tempo... adoro isso!
Amei o post e concordo em 100% com tudo!! Bom.... mas não vou escrever mais pq senão eu acabarei babando.. heheheh Bjoooo MINHA AMIGA LINDA!!!

foxy lady disse...

ultimamente tenho andado com burguesinhos, e ler a verdade nua e crua sem convenções da sociedade cult me fez bem... amo ler *-* amo escrever *-* e agora sigo o teu blog!

Kesy disse...

Ama escrever, escreve muito bem, então é só nunca parar!!

Beijos

Paulo R. Diesel disse...

É muito fácil gostar de alguém que ama, que gosta de escrever. Escrever bem, como tu escreves, é um dom que nem todos têm. É claro que pode ser aprimorado com leituras e pesquisas e vontades, mas o dom é o principal.
Também gosto de escrever, não escrevo tão bem como tu, e procuro registar em meus textos minhas experiência do passado, do presente e as que terei no futuro.

Beijo Dama

Da Silva disse...

Putz, eu tenho muita vontade de escrever, quando eu não posso fazê-lo, dói. Fisicamente.

O tempo, minha cara Dama, é que não me ajuda em nada. Se não fosse isso, a compulsão seria muito maior.

bjs e mais bjs