domingo, 3 de abril de 2011

Com o que você cisma?


Engordei 3 kg e para mim isso é a morte em vida. Sinto como se tivesse engordado 30kg. Sento e parece que minha barriga imensa repousa entre minhas coxas, escorrendo para os joelhos. Mas quando me olho no espelho não me vejo gorda! Quer dizer me vejo gorda, mas sei que é fruto da minha preocupação exagerada em não engordar. Na verdade estou apenas 3kg acima do peso indicado para minha altura. Mesmo assim me sinto uma orca, uma bolha assassina, um hipopótamo pesado daqueles que mal conseguem se locomover, um leão marinho que se arrasta pela terra. Sim, isso é cisma! Quando a gente cisma com uma coisa é o inferno na terra!

Não sou velha! Tá bom, não tenho mais 20 e poucos anos, mas tenho consciência que ninguém me olha e diz: - Aquela velha ali, óh! - No entanto me sinto consumida pelas rugas, não são mais rugas, são vales imensos, acho que minha pele está tão flácida que se cortasse o excesso dava pra fazer cinquenta casacos de pele humana! Os cabelos brancos parecem gritar na minha cabeça! Enfim, me sinto podre de velha! Mas eu estou velha? Não! Minha dermatalogista diz que estou vendo pelo em ovo, que minha pele tá ótima e saio de lá desolada! Sabe o que é isso? Cisma! Quando a gente cisma com uma coisa é uma praga!

E você? Cisma com o que?

25 comentários:

Pandora disse...

Eu cismo com tudo o que vc cisma e um pouco mais... digo logo que me sinto feia, muito feia, gorda (eu realmente estou bem acima do peso), me sinto uma "gorda, baleia, saco de areia"; chata, cansativa, prolixa, desinteressante... Você não quer mesmo saber onde essa lista vai parar kkk

Mas, sempre tenho a impressão que exagero nas cismas e provavelmente sua dermatologista tá certa e vc tá vendo pelo em ovo... Acho que vou arrumar uma dermatologista também, pra ver se ela mi diz o mesmo kkkk

Juliana Galante Magalhães disse...

Cismei com esse seu post. Desde a cirurgia em outubro não consegui mais recuperar meu peso e ao todo 10 kilos a mais entre cirurgia, stress,etc! E com menos 31 anos tenho 70% de cabelos brancos! Seu post me deixou profundamente cismada! rs.
Beijoca cismada procê

San disse...

Bem acho que cismo com tudo isso e mais um pouco, rrsrs coisas de mulher , mulher sempre busca a perfeição ..., bem isso as vaidosas , resolvidas e vencedoras pq tem algumas que oh dó rsrs bjs

ps - olha estamos no outono ... faça regime rsrsr

*Raíssa disse...

Olha, eu sou cismada com muita coisa!
Qualquer gordura a mais em qualquer lugar do corpo, já fico me sentindo uma baleia. Não tenho espinhas, mas tenho cravos. Pra mim, são horrendos e odeio tanto quanto odeio espinhas. Antigamente, eu era cismada por não ter muita bunda, mas hoje em dia não ligo muito. Agora, o que eu sou cismada MESMO é a diferença entre os seios, que todas as mulheres têm. Pode ninguém perceber, mas eu percebo e me incomoda muito. Queria colocar um pouquinho de silicone só pra igualar. Cabelo é outra coisa que serei extremamente cismada pelo resto da vida. Enquanto não criarem a pílula do cabelo liso, serei cismada. Mesmo alisando, NUNCA fica do jeito que eu quero, que ódio! Maldita hora que fui feita sem cabelo liso...

Beijos!

Iza disse...

A primeira cisma que veio a cabeça é minha vontade de comentar os textos que você publica.
Eles parecem estar chamando a gente para comentar.

Tirando o fato de eu já gostar de você (fato que não influi na minha vontade de comentar em blogs, pois tem gente que gosto um monte, mas não tenho o que dizer no blog deles)você escreve exatamente sobre o comportamento humano, coisa que adoro comentar.

Quando estou do lado negativo do trnstorno de humor, cismo com tudo e a primeira coisa que não consigo suportar são sorrisos.

Geralmente, não me preocupo com o corpo, apenas em não ganhar quilos a mais. Por uma questão genética ainda não tenho rugas, mas em compensação cabelos brancos tenho vários, todos devidamente tingidos de preto.

Quando ligo para meus parentes e eles não atendem, cismo que só podem ter morrido e isso já nem é mais cisma, é doença. Estou me tratando.

Beijos!

Silvia C. Barbosa disse...

Minha forma de cisma vai além, tem a ver com sentimento, eu não amo, eu cismo com a pessoa, essa é a verdade, passa anos e ainda penso, embora "não queria mais", e cismar consome mais que amar.


Beijos

Lola Flor disse...

Olá menina!

Minha cisma é estar sempre apaixonada por algo eu alguma causa, atividade, perspectiva, um plano B.
Enfim sou absolutamente passional, é essa força que me move.
No momento, estou seguindo uma dieta alternativa naturalista, para dar um apoio moral para o meu pai, que tem insuficiência renal crônica e está em vias de se submeter à hemofiálise, ou mesmo, pensar na hipótese de um transplante.
Desta forma estou unindo o útil ao agradável, por um lado ajudo meu pai, por outro também me cuido. Já não como carne vermelha há uns 10 dias! E outras coisitas mais...

Acredito que quando a gente olha em volta deixa de cismar um pouco. Quando estou dando aula e descubro que um dos meus pequenos não tem e nem sabe usar uma escova de dentes, é mais fácil resistir a um chocolate e me cuidar mais.

Talvez tenham sido situações assim que me fizeram dar uma emagrecida nos últimos tempos.

Precisamos ser mais fortes que as cismas.

Um beijo, Lola.

Simone Audrei disse...

Sou uma cismada de plantão, após meu 3° filho não consigo mais perder aqueles quilinhos extras indesejáveis e mal localizados. Acho que envelhecer é uma coisa triste, sou extremamente e exageradamente vaidosa, amo um espelho!Surgiram umas manchinha escuras no meu rosto e já me sinto como o Michael Jackson ao contrário, não uso calça de cintura baixa, nem blusas curtas porque também me sinto uma baleia. Acho que isso é coisa da cabeça da mulher, somos umas neuróticas RSRSRS...

Inaie disse...

Pior e quando voce nao cisma com nada e vem um babaca e fala: nossa, voce esta PESSIMA hoje...kkkk

Ou: Engordou, ne???

Bill Falcão disse...

Hehehe!! Em certos pontos, as mulheres são todas iguais. Até a incrível dama cinzenta, hahahahaha!!!!!

Bjoo!!!

Aline Teodosio disse...

Mulheres e suas neuroses!!! rsrsrs
Acontece seeempre comigo.

Pattr!cia disse...

Ai... eu tb cismei com meu peso.
Todo mundo me olha e diz: Você emagreceu! Está ótima. Eu cismei que ainda preciso emagrecer uns 5 quilos.
Está difícil tirar essa cisma.

Beijos

Laurinha (Mulher modernex) disse...

Oi Dama! No seu caso é apenas cisma, mas no meu caso pior que nem posso reclamar que é cisma o que tem me incomodado.
O que me incomoda atualmente é o peso e o cabelo. Mas realmente estou acima do peso e o cabelinho precisa mesmo de uma geral, rsrs.
No meu caso não é cisma, é realidade mesmo... rsrs

Abçs

Su Noschang disse...

Eu cismo com quase tudo que citou, menos em ser gorda, pq não sou mesmo. Tinha um corpo lindo e que achava perfeito, de repente emagreci demais, sai dos 57 para 44 tendo 1,70m, só tinha cabeça, rs. Daí comecei a fazer de tudo pra engordar e qd tou conseguindo notei que minha barriga parece querer crescer tb, mas sempre fui mto noiada com minha barriga, tenho mto medo que ela cresça. Todos dizem que estou perfeita, mas não acho. Meu bumbum e coxas estão flácidos e cheios de celulite, minha pele do rosto tb está mto envelhecida, mas ninguém acha. Todos dizem "não engorde mais, assim está perfeito".
Esse é o problema, a gente se sente uma maluca pq ninguém concorda conosco.

Nana disse...

Eu cismo com minha solidão, meu cabelo, meu nariz, meu jeito, minha falta de jeito...rsrs...tanta coisa...Post novo na área! Bjs e fik c Deus.

Amanda Lourinho Braga disse...

Ou seja, é coisa da sua cabeça, rsrsrs, ai mana quem me dera estar apenas 3 kl acima do peso ideal, eu estaria feliz da vida (mentira, 3 ou 10 é sempre 1 peso a mais). Nós mulheres e nossas "cismas", kkkkk.

Atitude do pensar disse...

Putz, por onde começo...fisicamente, cismo com o nariz, o peso, o pé e já cismei muito com os vazinhos - nada resolvia, nenhum tipo de aplicação -, mas hoje fechei as coxas de tatuagem e me senti ótima em relação a eles - ninguém mais os vê, nem eu...rsrs
Ainda cismo com o futuro - tenho medo de me tornar uma coroa cheia de manias, sou cheia delas e a não quero tê-las...
Essas são algumas.
Beijus,
K.

♫*Isa Mar disse...

Eu também cismava com muita coisa mas to aprendendo que se não nos aceitarmos como somos vamos infernizar nossas próprias vidas.
Esses dias escutei algo que me fez acordar, que somos muito maldosos conosco, que nos machucamos por não aceitar áquilo que está em nossas vidas exatamente pra que aprendamos a nos amar do jeito que somos.
Com todos os nossos defeitos e qualidades ainda assim tem muita gente que nos ama e nem repara nessas coisa que pra nós são verdadeiros monstros.
Conheço muita gente perfeitinha esteticamente e que eu jamais iria querer ter ao meu lado, enquanto outras apesar de não se encaixar nos padrões de beleza ditados pela sociedade são maravilhosas.
Dizem que quando uma pessoa assume publicamente os seus defeitos ela passa a ser admirada, temos muitos exemplos por aí... Ronaldinho com seus dentinhos, Jô Soares com sua gordura, Luciano Huck com seu nariz e por aí vai...
Beijos no coração!

Fê Miceli disse...

Ultimamente, eu cismo com a minha barriga inchada, pois engordei uns quilinhos e que não consigo perder por nada nesse mundo.
Antigamente eu cismava com o meu cabelo, que sempre foi cacheado e me dava uma trabalheira imensa para cuidar e manter arrumado. Sonhava com uma longa e vasta cabeleira lisa. Meu sonho de consumo!

Bjs

Atitude: substantivo feminino. disse...

Cismo com milhares de coisas: meu peso, com minha banha de pochete na barriga, com meu cabelo cheio, com minha cara cheia de espinhas e manchas.
Eu não tenho cismas como a sua...de cremes e tals..tenho de sabonetes para pele oleosa, de adstringentes..coisas assim...mais de tratamentos.

Estranhei foi essa sua cisma do peso!!!! Sempre te considerei sortuda por isso! Vc nunca tinha reclamado disso!

::::FER:::: disse...

fui muito vaidoso minha vida inteira , ja com 20 anos fiz meus primeiros tratamentos de peeling, coloro meus cabelos desde os 15, quando nasceram os primeiros fios de barba depilava na cera pra não engrossarem, até que fui cansando, cansando, e hj em dia fico com a raiz aparecendo, mas não passa de uma semana, uso só cremes no rosto e protetor solar, e tudo isso passou... hj tenho 31 engordei alguns kilinhos e minha cisma é com as crianças que peguei no colo e hj são moças e rapazes isso sim me da cisma, estou velho, antes quando falava minha idade ninguem acreditava, achavam que eu tinha menos, hj quando falo , não ouço nem um som de ! quem cala consente.



>>>FER<<<

meu cantinho disse...

Adorei o post. Só para colaborar, pois tenho essas crises também, o pior é quando encontramos alguém, parente, amigo, filho de alguém conhecido e temos qe constatar que a pessoa cresceu...e pior ainda...já a carregamos no colo. Bah!!! Dá uma raiva!!!!
bj

Cristine disse...

Ts,ts,ts... dona moça... Você é muito maior - e melhor que isso.
Vai aderir à paranóia mundial do culto à magreza? Você sabe muito bem que somos bombardeadas diariamente pela mídia, com imagens perfeitas de mulheres perfeitas, com o único objetivo de fazer com que nos sintamos um lixo e assim, tenhamos disposição em gastar fortunas em cremes, produtos, academia, roupas e sapatos , enfim... essa parafernália toda.
Se magreza/ beleza/ riqueza fosse sinônimo de felicidade, a Lady Di seria feliz, assim como essa pobre coitada, Cibelo Dorsa, que se matou no auge da vida e da beleza.
Não surte, pelamordedeus. Lute contra essa lavagem cerebral, muitas mulheres precisam da sua força e da sua atitude para não cair nessa armadilha!!

Cristine disse...

Em tempo... eu estou 10 quilos acima do peso. Puro estresse. Gostaria de estar mais magra para poder usar umas roupas que ficaram encostadas...rsrs
Mas posso garantir que continuo conquistando fãs, pq eu levanto a cabeça e digo a mim mesma: eu estou gostooooooooooosaaaaa.
E, me sentindo assim, os outros me veem assim!

Florisbella disse...

Olha, eu cismo com tantas coisas, mas o que eu quero comentar aqui é que, não sei se foi a sua intenção, mas eu ri demais com o seu post. A forma com que você descreveu tudo! Um exagero dos mais engraçados que eu já li rs

Beijos da Flor